Pages

Search This Blog

Loading...

idéia do Blog

“Comunicação de Risco e Riscos da InComunicação”

Minha dissertação de Mestrado

Tuesday, November 19, 2013

Se realizó en Buenos Aires el primer “Curso de Capacitación a Comunicadores de la Región de América Latina: Aplicaciones Nucleares y Comunicación Estratégica”, en el marco del Acuerdo Regional de Cooperación para la Promoción de la Ciencia y la Tecnología Nucleares en América Latina y el Caribe (ARCAL).

Sunday, October 20, 2013


Disciplina é liberdade;
Compaixão é fortaleza;
Ter bondade é ter coragem. (Música de Renato Russo)
A palavra “disciplina” origina-se do termo “discípulo” ambas têm origem no termo latino “pupilo” que, por sua vez, significa instruir, educar treinar, dando ideia de modelagem total de caráter. Assim, a palavra disciplina é utilizada para indicar, em educação, a disposição do aluno em seguir determinado ensinamento ou uma regra de comportamento.



Wednesday, April 24, 2013

Seminário de Energia Nuclear.


Monday, April 8, 2013


“Precisamos ser resilientes, e não sustentáveis”

  • Fundador de rede global para projetos voltados para mudanças climáticas afirma que é preciso lançar mão de medidas de adaptação em meio ao caos
A princípio, Andrew Zolli pode parecer um futurista catastrófico. Mas, em poucos dedos de prosa, ele se revela um otimista como poucos entre os que lidam com questões relacionadas a mudanças climáticas no mundo. Criador da rede virtual Poptech, que apoia projetos voltados para a solução de problemas ambientais e sociais nas mais diferentes partes do globo, Zoli acredita que pequenas mudanças podem fazer diferença. Traz, porém, uma proposta polêmica para colocá-las em prática. Em vez de apostar na sustentabilidade, imaginando que um dia as populações habitantes da Terra possam encontrar um equilíbrio saudável, ele acredita que a saída seja outra. É o que Zolli chama de resiliência. Autor do livro “Resilience: Why things bounce back”, recém lançado pela Elsevier no Brasil sob o título “Adapte-se: resiliência — Como pessoas, sociedades e organizações podem enfrentar mudanças e adaptar-se a elas”, ele afirma que não há mais tempo de evitar mudanças. Por isso, propõe que os investimentos sejam canalizados para preparar as pessoas para sobreviverem e até prosperarem em condições ruins, em meio ao desequilíbrio do planeta



Leia mais sobre esse assunto em http://oglobo.globo.com/amanha/precisamos-ser-resilientes-nao-sustentaveis-7946463#ixzz2PvOzhs6K

Sunday, April 7, 2013


“For me, I am driven by two main philosophies: know more today about the world than I knew yesterday and lessen the suffering of others. You'd be surprised how far that gets you.”
― Neil deGrasse Tyson

Sunday, July 1, 2012


...para mim, é impossível existir sem sonho. A vida na sua totalidade me ensinou como grande lição que é impossível assumí-la sem risco.
Paulo Freire

Friday, April 27, 2012

"A alegria não chega apenas 
no encontro do achado, 
mas faz parte do processo da busca. 
E ensinar e aprender não pode 
dar-se fora da procura, 
fora da boniteza e da alegria". 
Paulo Freire

Saturday, March 31, 2012

Rumors: Information Is the Antidote

Para rumores.. informação!

Até mesmo um boato totalmente falso tem uma espécie de "verdade": 
Ele revela informações importantes sobre como as pessoas estão 
pensando e sentindo, e que tipo de acusações que consideram credível.

Antigamente tinhamos dificuldade para a obtenção de informações. 
Agora o problema é selecionar as informações.

Na guia da OMS temos 6 dicas para enfrentar 
um rumor em situações de crise:

Repeat the rumor you’re rebutting. If people are hearing X from their friends and coworkers, you can’t just say Y instead, as if you hadn’t even heard the rumor. You need to start by saying, “Yes, I heard X too.”
Be empathic toward those who believe the rumor. You don’t want to validate that X is true, since your point is that it’s false – but it helps to validate that people aren’t stupid to think X might be true.
Demonstrate that you have taken the rumor seriously. Many people expect official sources to deny damaging rumors whether they’re true or not. So if you want your denials to be credible, show that they’re not knee-jerk. “Here’s what I did to look into the rumor…. And here’s what I learned….”
Give evidence that the rumor is false. Your evidence may be quantitative data. It may be quotations from credible third parties. It may be anecdotal. Ideally, it will be all of the above. Don’t expect people to take your word for it.
Discuss all evidence that the rumor is true. Assume people have heard or will hear the other side’s most persuasive arguments. They will loom all the larger if you haven’t mentioned them. If the evidence is 95% on your side, don’t claim it’s 100% on your side. Talk about the discrepant 5%.
Promise to stay alert. Good science is always tentative, and so is good risk communication. “Even though there are no signs of X so far, I am keeping an open mind. If the situation changes, here’s how I’ll know…. And if that happens, I will announce it immediately.”

Desenvolvimento.

O desenvolvimento não começa com os bens, começa com as pessoas e com a sua educação, organização e disciplina. Sem estes três, todos os recursos mantêm-se latentes, um potencial inexplorado.”
Small is Beautiful